Saiba Mais

Educação e exclusão

Atenção, abrir em uma nova janela. PDFImprimirE-mail

Educação e exclusão


Teses e Dissertações

Fonte: Banco de Teses da Capes. Período: 1995 a 2005.

AIZA, Maria Aparecida de Souza. Desvelando a exclusão de jovens negros: o ponto de vista dos excluídos. Cuiabá, 2003. Dissertação (Mestrado) – UFMT.

BAHIA, Norinês Panicacci. Enfrentando o fracasso escolar: inclusão ou reclusão dos excluídos? São Paulo, 2002. Tese (Doutorado) – PUC-SP.

BRANCALHÃO, Walkíria Rodrigues Duarte. A educação para o adolescente em conflito com a lei: mecanismo de inserção ou exclusão social. Marilia, 2003. Dissertação (Mestrado) – Unesp.

CAETANO, Maria Raquel. Anotações sobre o fracasso escolar. Afinal, de quem é o fracasso? Porto Alegre, 2002. Dissertação (Mestrado) – PUC-RS.

CHAUVET, Gustavo Guilherme Leon. Educação e sustentabilidade no Brasil: um olhar sobre a exclusão no sistema público e o privado do ensino a partir do exemplo do Distrito Federal. Brasília, 2002. Dissertação (Mestrado) – UnB.

CORREA, Lisete Bertotto. A exclusão branda do homossexual no ambiente da escola. Porto Alegre, 2003. Dissertação (Mestrado) – UFRGS.

D'AGUA, Solange Vera Nunes de Lima. Sob o prisma da inclusão, desvelando a exclusão. São Paulo, 2003. Dissertação (Mestrado) – PUC-SP.

DALMOLIN, Gilberto Francisco. O papel da escola entre os povos indígenas: de instrumento de exclusão a recurso para emancipação sociocultural. São Carlos, 2004. Tese (Doutorado). UFSCar.

DURANS, Claudicea Alves. O negro e a dinâmica das relações sócio-raciais na trajetória da sociedade brasileira: reflexos no processo educacional. São Luís, 2002. Dissertação (Mestrado). UFMA.

FILHO, Josias Alves de Melo. Educação matemática e exclusão social - uma proposta de tratamento diferenciado para realidades desiguais. Brasília, 2000. Dissertação (Mestrado). UnB.

HALMENSCHLAGER, Vera Lucia da Silva. Etnia, raça e desigualdade educacional: uma abordagem etnomátemática no ensino médio noturno. São Leopoldo, 2000. Dissertação (Mestrado). Unisinos.

LINCH, Jaqueline Picetti. Movimentos de exclusão escolar oculta. Porto Alegre, 2002. Dissertação (Mestrado). UFRGS.

MORFARDINI, Clementina Terezinha de Jesus. Formação do professor: formas de exclusão na educação inclusiva. Campinas, 2003. Dissertação (Mestrado). PUC-Campinas.

NASCIMENTO, Penha Mabel Farias do. Políticas públicas de educação infantil: concepções e práticas de inclusão ou exclusão? Niterói, 2000. Dissertação (Mestrado). UFF.

NOVAIS, Gercina Santana. A participação excludente na escola pública: um estudo das representações de educadores sobre aluno(a), escola e prática pedagógica. São Paulo, 2005. Tese (Doutorado). USP.

OLIVEIRA, AVELINO DA ROSA. Educação e exclusão: uma abordagem ancorada no pensamento de Karl Marx. Porto Alegre, 2002. Tese (Doutorado). UFRGS.

RIBEIRO, Cintya Regina. Uma narrativa foucaultiano-institucional dos processos de exclusão escolar. São Paulo, 2001. Dissertação (Mestrado). USP.

RIBEIRO, Heloisa Paré. Trabalho infantil, categoria invisível na relação escola/trabalho, a serviço da exclusão. Pelotas, 2001. Dissertação (Mestrado).  Universidade Federal de Pelotas.

SANZOVO, Nádia Paraná. Educação e correção de fluxo: as faces da exclusão. Marilia, 2000. Dissertação (Mestrado). Unesp.

SILVA, Ana Paula Penna da. Processos de escolarização das camadas populares das promessas de ampliação de oportunidades à realidade de exclusão: o que pensam os sujeitos envolvidos nesta contradição. Rio de Janeiro, 2003. Dissertação (Mestrado). UERJ.

TESSARO, Adriana. Estigma e preconceito como expressões da exclusão escolar: uma questão na formação de professores. Maringá, 2004. Dissertação (Mestrado). Universidade Estadual de Maringá.


Livros

CASASSUS, Juan. A escola e a desigualdade. Brasília: INEP/Plano, 2002.

FERREIRA, Sebastião. A progressão continuada nas escolas estaduais e a exclusão silenciosa. São Paulo: Scortecci, 2006.

GENTILI, Pablo. A exclusão e a escola: o "apartheid" educacional como política de ocultação. In: P. Gentili; R. Alencar. Educar na esperança em tempos de desencanto. Petrópolis: Vozes, 2001.

GENTILI, Pablo, org; APPLE, Michael W.; THURLER, Vania Paganini de. Pedagogia da exclusão: crítica ao neoliberalismo em educação. Petrópolis: Vozes, 2001.

GENTILI, Pablo; FRIGOTTO, Gaudêncio, org. A cidadania negada: políticas de exclusão na educação e no trabalho. São Paulo/Buenos Aires: Cortez/Clacso, 2002.

NERY, Beatriz Didonet, org; ROCHA, Silvio, org. Turma de progressão: a inversão da lógica da exclusão. Porto Alegre: Secretaria Municipal de Educação, 1999.

OLIVEIRA, Ancelmo Pereira de. Discurso da exclusão na escola. Joaçaba: UNOESC, 2002.

SKLIAR, Carlos (org). Educação e exclusão: abordagens sócio-antropológicas em educação especial. Porto Alegre: Mediação, 1999.


Artigos
AKKARI, A. J. Desigualdades educativas estruturais no Brasil: entre estado, privatização e descentralização. Educação e Sociedade. Campinas: v. 22, n.74, p.163-189, abr. 2001.

ANGELUCCI, Carla Biancha; KALMUS, Jaqueline; PAPARELLI, Renata et al. O estado da arte da pesquisa sobre o fracasso escolar (1991-2002): um estudo introdutório.Educação e Pesquisa. São Paulo: v. 30, n.1, p.51-72, jan./abr. 2004.

ARROYO, Miguel. A educação de jovens e adultos em tempos de exclusão. Alfabetização e Cidadania: Revista de educação de jovens e adultos. São Paulo: n. 11, p. 9-20, abr. 2001.

BARROS, Ricardo Paes de; FOGUEL, Miguel Nathan. Focalização dos gastos públicos sociais em educação e a erradicação da pobreza no Brasil. Em Aberto. Brasília: v. 18, n. 74, p. 106-120, dez. 2001.

CARVALHO, Marília. Quem é negro, quem é branco: desempenho escolar e classificação racial de alunos. Revista Brasileira de Educação. Rio de Janeiro: n. 28, jan./abr. 2005.

FERRARO, Alceu Ravanello; OLIVEIRA, Avelino da Rosa; RIBEIRO, Marlene. Paradigma da exclusão: discussão conceitual e pesquisa em educação. Cadernos de Educação. Pelotas: v. 8, n.13, p. 131-145, ago./dez. 1999.

GLÓRIA, Dilia Maria Andrade. A "escola dos que passam sem saber": a pratica da não-retençâo escolar na narrativa de alunos e familiares. Revista Brasileira de Educação. Campinas: n. 22, p. 61-76, jan./abr. 2003.

OLIVEIRA, Avelino da Rosa. Exclusão social e educação: um novo paradigma. Educação e Realidade. Porto Alegre: v. 24, n. 2, p. 59-73, jul./dez. 1999.

POPKEWITZ, Tom; LINDBLAD, Sverker. Estatísticas educacionais como um sistema de razão: relações entre governo da educação e inclusão e exclusão sociais. Educação e Sociedade. Campinas: v. 22, n. 75, p.111-148, ago. 2001.

SARMENTO, Manuel Jacinto. Infância, exclusão social e educação como utopia realizável. Educação e Sociedade. Campinas: v. 23, n. 78, p. 265-283, abr. 2002.

STEHR, Nico. Da desigualdade de classe à desigualdade de conhecimento. Revista Brasileira de Ciências Sociais. São Paulo: v. 15, n. 42, p.101-112, fev. 2000.

SODRE, Liana Gonçalves Pontes. Criança: a determinação histórica de um cidadão excluído. Revista da FAEEBA: Educação e Contemporaneidade. Salvador: v. 11, n.17, p.65-72, jan./jun. 2002.

SOUZA, André Portela. Por uma política de metas de redução da pobreza. São Paulo em Perspectiva. São Paulo: v. 18, n. 4, out./dez. 2004.

SOUZA, José dos Santos. 500 anos de tradição excludente da educação brasileira. Revista da FAEEBA: Educação e Contemporaneidade. Salvador: v. 9, n. 13, p. 77-84, jan./jun. 2000.

SPOSATI, Aldaíza de Oliveira. Exclusão social e fracasso escolar. Em Aberto, Brasília: v. 17, n. 71, p. 21-32, jan. 2000.

VEIGA NETO, Alfredo José da. Incluir para saber. Saber para excluir. Pró-posições. Campinas: v. 12, n 35-36, p. 22-31, jul./nov. 2001.

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar